Novo post criado em 28 de Setembro de 2018 21:20:05

Quem está pensando em abrir um restaurante ou até mesmo planejando dar uma turbinada na cozinha do seu estabelecimento, geralmente, se questiona sobre qual é a melhor alternativa de energia: Gás de Petróleo Liquefeito (GPL) ou Gás Natural (GN)? Depois de tudo, é essencial ter um combustível que irá aumentar a eficiência do seu negócio e não deixar ninguém na mão, não é mesmo? Quer saber algumas diferenças entre estes gases e descubra por que o uso do GLP em restaurantes é a escolha mais inteligente? Em seguida, continue com a gente!

Diferenças

A primeira pergunta que vem à mente de muitas pessoas é: “Mas o que difere o gás de cozinha a gás natural? Não é tudo a mesma coisa?”. Não, não é! Embora os dois são uma mistura de hidrocarbonetos, a composição do GLP é o gás propano e butano, enquanto o gás natural é composto de 90% de metano. O primeiro é obtido a partir do refino do petróleo ou gás natural, a segunda é extraído de campos de petróleo e processado nas Unidades de processamento de Gás Natural (UPGNs).
Em casos de vazamentos em áreas fora, os dois gases desaparecer. Já em áreas fechadas, o gás de cozinha, mais pesado que o ar, tende a se acumular junto ao piso, enquanto o gás natural, que é mais leve, sobe para a região do teto.
Outra diferença, a mais óbvia e popular, é que o GLP é comercializado em recipientes de aço, enquanto que o GN é distribuído canalizada pelos utilitários para o estado. Por quê? Simplesmente porque o primeiro, sob alta pressão, passa para o estado líquido, o que facilita a sua enchimento, transporte e armazenamento, enquanto que o segundo permanece em estado gasoso, ocupam um grande volume. Daí a dificuldade de armazenamento de gás natural e a necessidade de transportá-lo através de oleodutos, gasodutos e redes de distribuição canalizada.

Capilar

A praticidade de transporte do gás de cozinha permite que ele para chegar a qualquer lugar do Brasil. Graças a esta capilar, qualquer empresário pode apostar no uso de GLP em seu restaurante, silenciosamente, o seu negócio está localizado em uma metrópole como São Paulo ou em um pequeno município do interior da Amazônia, por exemplo. Afinal, há distribuidores autorizados e revendedores de gás de cozinha espalhados de Norte a Sul do país.
Por outro lado, no que diz respeito à distribuição de gás natural, ainda existem milhares de ruas em diversas localidades brasileiras e até mesmo cidades inteiras que não têm a rede de tubulação de combustível. Mas isso não é um empecilho para você parar de investir no setor de energia, não é mesmo?

Eficiência energética

Quando se trata de investimento, todos os detalhes são importantes para alcançar o sucesso. E nada melhor do que um combustível poderoso para o menu de um restaurante é ainda mais gostoso! Assim é a GPL! Você sabia que, entre todos os existentes de energia, e o nosso conhecido gás de cozinha é a que tem o maior potencial calorífico? Que é, ele é o único que gera a energia.
Por exemplo, um quilo de GLP lançamentos 11.750 kcal de energia, enquanto um metro cúbico de gás natural canalizado, 9.400 kcal. Isso significa que, para alcançar a mesma eficácia do GLP, é necessário uma maior quantidade de GN. Uma diferença significativa na ponta do lápis!
Não é por menos que a eficiência energética do GPL, faz dele uma excelente alternativa para alavancar a produtividade e a lucratividade de seus negócios. Então, uma coisa é certa: o uso de fornos, fogões, chapas, fritadeiras e outros aparelhos a GLP em restaurantes é a melhor escolha para unir eficiência e economia na sua cozinha.

Escolha inteligente

Investir no uso de GLP, em restaurantes, traz mais segurança e comodidade para o dia-a-dia dos estabelecimentos. Confira outras razões que fazem do gás a escolha de energia inteligente:

  • Na medida certa para o seu negócio: o gás é feito em recipientes transportáveis e retornáveis 45 kg e cilindros portáteis fornecida no lugar de 190 kg, geralmente o mais adequado para restaurantes;
  • Instalação simples e sob medida: o projeto de instalação de central de GLP personalizados para o seu negócio e seguir todas as normas técnicas em vigor;
  • Massa: fornecimento de prática, contínua, segura e programada;
  • Fornecimento garantido: a gestão do estoque de GPL assegura que o seu estabelecimento nunca vai ser desabastecido;
  • Assistência técnica 24 horas, 365 dias: o dia e a noite, em horário estendido para atender melhor os clientes;
  • Manutenção preventiva anual livre: uma garantia de qualidade e de segurança.

imagem28-09-2018-21-09-13 imagem28-09-2018-21-09-13[/legenda]

 

Quer saber mais sobre o uso de GLP em restaurantes? Siga as próximas matérias aqui no nosso blog ou entre em contato com nossos especialistas no 0800 707 2672 ou pelo Centro de Serviço.